sábado, 31 de maio de 2008

Tiro no pé

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Considero Leandro Machado um cara azarado. Primeiro foram as constantes idas ao DM rubro-negro, por conta da tendinite crônica nos joelhos. Depois ele foi julgado duas vezes pelo STJD, por ter supostamente agrediso um adversário do Internacional, com base em imagens, sem que o árbitro, sequer, o tivesse citado na súmula.

Leandro foi absolvido nas duas vezes, com razão, mas agora voltará ao Tribunal. E dessa vez, por culpa dele mesmo, ou de quem o orientou. Após o jogo contra o Vasco, no Rio de Janeiro, o atacante rubro-negro denunciou o vascaíno Eduardo Luiz, que o agrediu na partida.

O problema é que, segundo o pessoal do STJD, as imagens mostram que, apesar da atitude hostil do vascaíno, Leandro não foi atingido no rosto (como alegou), o que se configurou, assim, numa simulação do rubro-negro. E é por isso, dessa vez, que ele será julgado, podendo pegar de um a dez jogos de suspensão. Esse julgamento ainda não tem data marcada...

Agora eu pergunto: é mole? O Sport merece isso?

Leia, abaixo, a previsão da colega Irce Pires, para Internacional x Sport...

Conheça Márcio Goiano

Márcio Goiano é o mais novo contratado do Leão
Foto: site oficial do Juventude

Equipe Toca do Leão


Se você ainda não conhece o lateral-esquerdo Márcio Goiano, que está chegando ao Recife na segunda-feira, como mais novo reforço do Sport, veja um resumo sobre o atleta.
Márcio vem por empréstimo junto ao Juventude, até 31 de dezembro deste ano. O Sport tem a prioridade para renovar o empréstimo do jogador.
Quem também se apresenta ao Leão para temporada é o meia Fernando Fumagalli. Fumagol desembarca no Recife neste domingo, no mesmo vôo que a delegação do Sport, que volta do Rio Grande do Sul.

Sobre Márcio:
Nome: Márcio da Silva Diniz

Natural de Quirinópolis, em Goiás

Nascimento: 02/01/1985 (23 anos)

Altura: 1,80 m - Peso: 77 kg

Clubes nos quais atuou: Figueirense/SC, América/RN, Ituano/SP, Barueri/SP, Gama/DF, Iraty/PR

Último clube: Juventude/RS

Em busca da segunda vitória no Brasileirão

Equipe Toca do Leão
Com Irce Pires


Após a dramática classificação para a final da Copa do Brasil, o Sport agora tenta deixar a ansiedade de lado e se voltar para a quarta rodada do Brasileiro 2008.

Hoje o Rubro-Negro vai enfrentar o Internacional, em Porto Alegre. Esse é o primeiro encontro dos times após o Leão ter desclassificado o colorado na Copa do Brasil.

O clima dos torcedores, no Sul, é de revanche. O time não demonstra esse pensamento, mas o treinador Abel Braga faz mistério sobre a escalação da equipe.

O Leão...

O time pernambucano não estreou bem na competição, perdeu para o Botafogo por 2x0 e empatou sem gols, em casa, com o Vitória; mas vem de uma vitória de 2x1 contra o Fluminense.


O time de Nelsinho Baptista deve atuar no esquema 3-5-2. Sem poupar jogadores para as finais da Copa do Brasil, o Leão vai com tudo pra cima dos gaúchos.

O meio campo deve ser composto por três volantes: Daniel Paulista, Sandro Goiano e Fábio Gomes. O meio campista Luciano Henrique está em condições de jogo, mas não deverá participar porque ainda sente o rosto levemente inchado, devido a uma pancada sofrida no jogo contra o Vasco.


No colorado...

O treinador Abel Braga comandou, ontem, um treino com portões fechados. Ele usa a mesma tática do jogo de ida da Copa do Brasil, o mistério. A referência do time gaúcho, o capitão Fernandão, não jogará amanhã. O atleta disse que nas últimas partidas vem sofrendo com dores musculares, mais precisamente na coxa esquerda, e está fazendo reforço muscular.


Quem deve atuar ao lado de Nilmar, no ataque, é Adriano. O treinador também não contará com Bustos, que está à disposição da Seleção colombiana, com o lateral-esquerdo Wellington e o zagueiro Sorondo, ambos lesionados; e Jonas, suspenso.

Em contrapartida, os gaúchos terão o retorno de Iarley e Magrão recuperados de contusão, Edinho e Guiñazu, que cumpriu suspensão. Abel disse que vai experimentar novas táticas: “vou fazer uma experiência, pois quero tornar o time mais ofensivo”.

Proximidade na tabela – com quatro pontos ganhos, o Sport ocupa a 11º colocação. O Inter, que vem de duas derrotas seguidas, contra Palmeiras e Flamengo, está na 13º posição, com três pontos ganhos.

A partida entre Internacional e Sport promete, mesmo que os colorados neguem, um sabor de revanche. O jogo está previsto para as 18h20, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
.


----------------------------------------------------------------------------

Ficha do Jogo

Campeonato Brasileiro - Série A
Quarta rodada

Internacional X Sport

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
Horário: 18h10
Árbitro: Jailson Macedo Freitas (BA)
Auxiliares: Alessandro Rocha de Matos e Adson Marcio Lopes Leal, ambos da Bahia

Internacional - Renan; Ricardo Lopes, Índio, Sidnei e Marcão; Danny Morais, Guiñazu, Magrão e Alex; Adriano (Iarley) e Nilmar. Técnico: Abel Braga

Sport - Magrão; Igor, César e Durval; Luisinho Netto, Daniel Paulista, Everton, Sandro Goiano, Fábio Gomes e Dutra; Carlinhos Bala e Leandro Machado. Técnico: Nelsinho Batista

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Palhaçada do Goiás

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia


O Sport curtia a classificação para as finais da Copa do Brasil e seguia para Porto Alegre, onde enfrenta o Internacional, amanhã. Já Romerito voltava ao Recife para intensificar a fisioterapia, visando a se recuperar para ter condições de jogar a finalíssima entre Sport e Corínthians, dia 11 de junho, na Ilha.

Mas o presidente do Goiás,o sr. Paulo Goulart, que não sabe cumprir acordo, solicitou, ou melhor, ordenou a volta imediata de Romerito ao Goiás, que não enfrenta uma boa fase na temporada, desde que saiu da Copa do Brasil e perdeu o título goiano.

Havia um acordo verbal entre rubro-negros e esmeraldinos para que Romerito pudesse jogar as finais. O sr. Goulart, infelizmente, faltou com a palavra. Assim, Romerito não faz mais parte do elenco do Sport. Pelo menos por enquanto. Ainda acho que pode acontecer com ele o mesmo que houve com Carlinhos: chegar no clube de origem e voltar para o Sport.

De qualquer forma, o Sport está conversando com o meia para fechar um contrato de dois anos, a partir do mês de janeiro. Em 31 de dezembro, Romerito termina, oficialmente, o contrato com o clube de Goiânia, ainda que não queira voltar pra lá. O destaque rubro-negro já avisou que volta em janeiro. E disse mais: pra disputar a Libertadores!

Vamos esperar o melhor...pro Sport e pra Romerito. E que o Leão continue bem focado nessa Copa do Brasil. Com certeza, nossa conquista do título, se vier (e acredito nisso!) será a conquista de Romerito também. Obrigada, 'Romero'!

Romerito fora das finais da Copa do Brasil

O contrato do jogador terminou hoje e o Goiás quer o atleta na próxima segunda-feira

Equipe Toca do Leão
Com Irce Pires

Um dos símbolos da garra rubro-negra na Copa do Brasil, o meio campista Romerito, ficará de fora das finais da competição. Não se trata mais da contusão na coxa esquerda. O fato é que o contrato do atleta com o Sport expirou hoje e ele deverá se apresentar ao Goiás na próxima segunda-feira, 2.

A promessa do presidente do clube esmeraldino, Pedro Goulart, de que Romerito seria liberado para jogar as finais da Copa do Brasil caso o Sport passasse, ficou apenas nas palavras. Como não houve contrato que firmasse a presença do atleta nos últimos jogos, o clube goiano pôde voltar atrás e pedir o retorno do jogador dentro do prazo contratual.

Romerito chegou ao Sport em 2007através de um empréstimo junto ao Goiás, detentor dos direitos federativos do atleta. A boa fase do jogador e as complicações no time goiano fizeram com que a direção esmeraldina pedisse o retorno de Romerito para o Brasileirão 2008, mesmo que ele demonstre, escancaradamente, o desejo de permanecer no clube pernambucano.

O diretor de futebol Álvaro Figueira revelou que o Sport fez uma proposta para ter Romerito em 2009: “Fizemos essa proposta e ele ficou de pensar. Vamos aguardar".

Sport já em Porto Alegre. Romerito no Recife

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Passadas as comemorações pela conquista da vaga às finais da Copa do Brasil, a delegação do Sport já está em Porto Alegre, para onde seguiu esta manhã, visando a enfrentar o Internacional, neste sábado, pela quarta rodada do Brasileirão da Série A. Na capital gaúcha, os rubro-negros treinam nas dependências do Grêmio.

Para esse jogo, o técnico Nelsinho não pretende poupar os titulares. Inclusive ele nem pediu que outros atletas seguissem do Recife para integrar a delegação. O grupo, em Porto Alegre, conta, assim, com Magrão, Luisinho, Ígor, Durval, Dutra, Daniel, Sandro, Éverton, Luciano, Carlinhos, Leandro, Cléber, Diogo, César, Fábio Gomes, Júnior Maranhão, Alex, Enílton e Róger, totalizando 19 atletas.

Apenas Carlinhos pediu para não jogar contra o Internacional, temendo a violência do time gaúcho e que isso possa acarretar em prejuízos para o Leão na primeira partida diante do Corínthians. Ainda não se sabe se Nelsinho irá poupá-lo.

Antes de ir a Porto Alegre, na manhã de hoje, o grupo estava no Rio de Janeiro, onde treinou ontem nas areias de Copacabana e foi atração para os adversários do Vasco, que pediram autógrafos a Carlinhos Bala e tiraram fotos com o atacante, último cobrador dos pênaltis e que levou o Sport à classificação, em São Januário.

Romerito - O meia voltou desde ontem, ao Recife, para intensificar o tratamento de fisioterapia na côxa esquerda. O craque está fora contra os gaúchos e contra o Corínthians, pela primeira partida das finais, em São Paulo. A expectativa de Romerito e do departamento médico é de que o atleta possa estar à disposição para o jogo decisivo da Copa, no dia 11 de junho, na Ilha.

Retorno - Após o jogo contra o Internacional, os rubro-negros têm viagem de volta para o Recife marcada para o domingo, com chegada prevista ao Aeroporto Internacional dos Guararapes às 15h30. Junto à delegação vem também o ídolo Fumagalli, que pegará o vôo em São Paulo.

Sport em busca de reforços

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Como postou nosso amigo Daniel, o Sport confirmou a contratação de Márcio Goiano, lateral-esquerdo que estava no Juventude e vinha, inclusive, sendo sondado pelo Náutico. Márcio deve se apresentar na Ilha na próxima segunda-feira.

Em contato com o diretor Adelson Wanderley, ele nos disse que, além de Márcio Goiano, o Sport busca também um volante e um atacante para a disputa do Brasileirão. O volante pode ser (ainda) Moacir, do Central, clube com o qual o Sport vem encontrando dificuldades de negociar.

Como é provável que o craque Romerito deva voltar à Goiás após as finais da Copa do Brasil, a direção leonina, de acordo com o coronel, deve ir em busca também de mais um meio-campista. Atualmente, tirando Romerito, o Sport dispõe de Luciano Henrique, Kássio, Alex e Peter, além de Fumagalli.

Fumagalli - O meia, que estava no Al Rayan (futebol árabe) e teve uma belíssima passagem pelo Sport em 2006 e 2007, está descansando em São Paulo, há cerca de 10 dias, e é aguardado na Ilha no próximo domingo, dia 1º, junto à delegação do Sport que retorna de Porto Alegre, onde joga amanhã contra o Internacional, pelo Brasileiro.

Joélson - Ao contrário do que divulgamos no blog, esta semana, o atacante Joélson, do Porto, ainda não foi contratado pelo Leão. Pelo menos ele ainda não se apresentou na Ilha. De acordo com o coronel Adelson, o Sport tem, sim, interesse na contratação do meia.

E como escrevemos aqui também, Joélson deve vir mesmo como uma aposta do clube, e não para integrar o elenco que disputa o Brasleiro.

Homenagens ao Sport

Equipe Toca do Leão
Com Daniel Leal

Após mais uma vitória na Copa do Brasil, o Sport segue recebendo homenagens pelo Brasil.

A foto abaixo é de um treino do Grêmio, logo após nossa vitória sobre o Internacional, por 3 x 1, na Ilha (14/5). A camisa do Sport pendurada no alambrado do Olímpico.




A montagem abaixo é da nossa leitora, Juliana Leal, que reside em São Paulo e homenageia o nosso blog e o Sport, por sua ótima campanha na temporada:

Outra homenagem dos gremistas. O cartaz, irônico, veio também depois da vitória do Sport sobre o Inter-RS. Nosso xerifão foi o escolhido:





A terceira apareceu ontem. "Aahhhhhh, é Edmundo!" Isso mesmo, até ele! O craque (ou será ex-craque vascaíno?) decidiu homenagear o Sport raspando a cabeça, tudo por ter nos dado mais emoção e valorizar mais nossa vitória. Valeu, Animal!






Se você, torcedor, quiser contribuir com alguma boa imagem, mande um e-mail para gente! Nosso endereço eletrônico é: tocadoleao.sport@bol.com.br

quinta-feira, 29 de maio de 2008

Rápidas do Sport

Equipe Toca do Leão
com Daniel Leal

1) Mesmo com a excelente campanha na Copa do Brasil, o Sport não pára de se reforçar para disputa do Brasileirão. O Leão anunciou, hoje, a contratação do lateral-esquerdo Márcio Goiano, ex-Juventude-RS. O jogador tem 23 anos, já passou por clubes como o América-RN e Figueirense. Márcio fechou contrato com o Sport até o final deste ano.

2) Arbitragem definida para Internacional x Sport, pela 4° rodada do Brasileirão, sábado, no Beira Rio, em Porto Alegre. Apita o jogo o baiano Jaílson Macedo Freitas (FIFA); os auxiliares, também da Bahia, serão Alessandro Álvaro Rocha de Matos (FIFA) e Adson Márcio Lopes Leal.

3) Romerito: o meia está vetado para o jogo contra o Inter e, inclusive, já voltou para o Recife, onde vai intensificar o tratamento para tentar atuar na primeira partida da final da Copa do Brasil, contra o Corinthians, quarta-feira, em São Paulo. A possibilidade dele ficar de fora da partida decisiva é real e por isso o tratamento está sendo intensivado.

Primeira vitória: jogo da volta será na ilha!

Equipe Toca do Leão
com Daniel Leal

Como mais uma vitória. Dessa forma a torcida do Sport comemorou, agora há pouco, o sorteio que aconteceu na cede da CBF, no Rio de Janeiro, e beneficiou o Sport, que vai decidir a Copa do Brasil em Casa.

As datas, horários e locais estão definidos, confira:

Primeiro jogo:

Local: Morumbi, em São Paulo
Data: 04/06/2008
Horário: 21h50

Segundo jogo:

Local: Ilha do Retiro, em Recife
Data: 11/06/2008
Horário: 21h50

A História de Sport X Vasco e o Sonho da Libertadores


O Leão poderia ter definido a classificação durante o tempo normal mas, no final, não decepcionou sua torcida, e está classificado para as finais da Copa do Brasil, pela segunda vez em sua história.


Equipe Toca do Leão

Com Mariana Maia


O Sport Club do Recife escreveu, nessa madrugada, mais um capítulo de sua gloriosa história de 103 anos. Jogando no estádio de São Januário, no Rio de Janeiro, e exposto a todo tipo de pressão e manobras extracampo, da torcida e da direção do Vasco, respectivamente, o Leão deixou que os cariocas igualassem o marcador do primeiro jogo, mas soube segurar a vaga nos pênaltis. Estamos na final da Copa do Brasil, pela segunda vez desde 1989 (Sport x Grêmio). Que venha agora o Corínthians!


O extracampo - Mesmo com duas viaturas da PM carioca e batedores para acompanhar a delegação, o Sport não conseguiu fugir dos fogos estourados pelos vascaínos, na noite anterior da partida. Mas, precavido, o grupo rubro-negro tentou minimizar a situação e ficou instalado em apartamentos estratégicos do hotel, além de fazer uso de tapa ouvidos. Além do mais, os jogadores puderam descansar bastante durante o dia da partida.

No estádio, o sr. Eurico Miranda, mandatário do Vasco, tentou intimidar nossa torcida e time, mudando o local destinado aos rubro-negros nas arquibancadas e não deixando que os jogadores leoninos aquecessem no gramado, momentos antes da partida.


A torcida - Os rubro-negros foram em pequeno número, incomodados pelo falta de segurança no acesso ao estádio. Mas os heróis que foram conferir, de perto, seu time não se decepcionaram. Tiveram, sim, muita emoção, o que apenas adiou a comemoração pela conquista - também heróica - dos jogadores, já nos pênaltis.

E os rubro-negros, no final, puderam sair comemorando. Ao contrário de 20 mil vascaínos que devem ter saído tristes...E aí eu pergunto? Adiantou a pressão, Eurico? Volto a dizer: torcida ajuda, mas futebol se ganha nas quatro linhas!


O jogo -
A vantagem de 2 x 0 construída na Ilha, na semana passada, não foi um placar ideal e tão difícil de ser igualado. Assim, sabíamos que o jogo de ontem, diante da limitada (mas com bons atacantes) equipe do Vasco da Gama não seria fácil. De qualquer forma, tivemos chances de matar o jogo nos 90 minutos e não o fizemos, o que só tornou a conquista mais dramática.

Sem poder contar com nosso destaque, Romerito, Nelsinho optou por entrar com Luciano Henrique e mudar o esquema para o 3-5-2, para dar mais consistência à nossa defesa, que tinha a missão de evitar que os cariocas igualassem o placar construído no Recife. Até aí tudo bem.

No primeiro tempo, o time rubro-negro se comportou maravilhosamente. Não só defendeu, mas também jogou no contra-ataque, o que possibilitou três chances incríveis de gol, todas com Leandro Machado. Infelizmente o atacante desperdiçou as três e esses gols acabaram fazendo muita falta no final.


Na segunda etapa, porém, a tranqüilidade da nossa torcida, construída pelo bom primeiro tempo, foi abalada pela postura do time, que voltou totalmente na retranca. O jogo rolava todo no campo do Sport que, como era de se esperar, não agüentou a pressão e, aos 19 minutos, levou o primeiro gol, em cabeçada de Leandro Amaral, após cobrança de falta.

Poucos instantes antes, Nelsinho havia colocado Fábio Gomes no lugar de Luciano Henrique, deixando o time sem criação. Assim, considero o primeiro gol um castigo ao Sport, pelo que foi apresentado até então, na segunda etapa.

Após o gol sofrido, a equipe do Sport acordou em campo e passou a contra-atacar com os laterais e os volantes que tinha. O atacante Enílton - que havia entrado no lugar de Leandro - teve cerca de três boas chances de fazer um gol, mas sempre se enrolava com a bola. No único lance em que agiu com lucidez, Enílton chutou forte, prensado com a defesa carioca, mas o goleiro Tiago desviou a bola, que ainda bateu na trave e saiu.

O Sport, que ainda promoveu a entrada de Éverton no lugar de Sandro, conseguiu equilibrar as ações após a mudança de postura. Muitos rubro-negros já comemoravam, quando, nos descontos (aos 46), Magrão cometeu sua única falha na partida e deu um rebote a Edmundo, que não desperdiçou e fez 2 x 0. Um filme sem final feliz começou a passar na cabeça da torcida leonina, que precisou preparar os nervos para os pênaltis.


Nas cobranças dos penais, para alívio do time, comissão técnica e da torcida, nossos jogadores bateram na bola com muita responsabilidade e frieza, e garantiram a passagem do Sport às finais da Copa do Brasil, agora diante do Corínthians, que também passou pelo Botafogo, nos pênaltis.

Luisinho, Fábio Gomes, Magrão, Dutra e Carlinhos fizeram a festa da torcida do Sport, em São Januário e no Recife. Coube a Carlinhos cobrar o último pênalti e correr para comemorar com os heróis das arquibancadas.

Pelo lado do Vasco, ninguém melhor pra perder uma cobrança do que Edmundo, o mais experiente entre os adversários e que esteve bastante nervoso e irritado em campo.


Valeu, Nelsinho, jogadores, torcida!!! Valeu, Edmundo "Animal"...O Vasco "é o time da virada", mas o Sport é o time da raça! Vai que é tua, Leão...Essa Copa tem que ser nossa!!!

Os heróis da classificação: Magrão; Ígor, Durval e César; Luisinho, Daniel, Sandro (Éverton), Luciano (Fábio) e Dutra; Carlinhos e Leandro (Enílton). Técnico: Nelsinho Batista.

quarta-feira, 28 de maio de 2008

"O Sport deixou de ser um time comum"

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia


Hoje estava escutando o comentário de Maciel Júnior, na Rádio Jornal, como costumo fazer quando tenho tempo nesse horário.

Gostei quando ele disse que o Sport chegou às semifinais da Copa do Brasil e está vivenciando um momento especial porque "deixou de ser um time comum".

Concordo com Maciel. Pra mim, o Sport vem adotando, com Nelsinho, uma postura diferente. Está jogando não só dentro, como também fora de casa, como uma equipe grande, de igual para igual, sem medo de ser feliz.

E é desse Sport grande, valente, jogando pra cima dos adversários e com um espaço merecido na mídia que a torcida rubro-negra gosta.

Pra frente, Sport! Uma vaga nas finais tem que ser nossa!

"Romerito joga!"

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia


Conversei hoje com Tacão, preparador físico do Sport. Ao questioná-lo se o meia Romerito entra em campo logo mais à noite, para enfrentar o Vasco, Tacão afirmou: "Romerito joga!".

Tenho certeza que, se a participação do meia - e melhor jogador do Sport, na temporada - se confirmar, a torcida leonina terá ainda mais motivos para estar confiante num grande resultado e na passagem da equipe pras finais da Copa do Brasil.

Caso Romerito não possa atuar, Nelsinho já ganhou um reforço de peso para o jogo contra os vascaínos: o meia Luciano Henrique, absolvido ontem à noite, pelo STJD.

terça-feira, 27 de maio de 2008

Previsão

Equipe Toca do Leão
com Daniel Leal

Desde 2000, contra o Grêmio, quando chegamos às quartas-de-final da Copa João Havelange, o Brasileirão daquele ano, e do jogo contra o Flamengo, em 2003, pelas também semi-finais da Copa do Brasil, que não temos um jogo tão importante pela frente. É hoje. Sport x Vasco, às 21h50, vão acabar com a angústia da espera de toda a nação rubro-negra.

O Sport começa o jogo vencendo por 2 x 0. O time pernambucano pode perder por diferença de um gol que está classificado. Caso faça um gol no jogo, o Sport pode até perder por dois gols de diferença, que estará classificado.

Para esse jogo, muito mistério. Romerito, que hoje apenas deu voltas no gramado, segue como a grande dúvida. Caso jogue, o esquema permanece o 4-4-2, sendo o meio-campo composto por Daniel Paulista, Sandro Goiano, Everton, além do próprio Romerito.

Existem ainda mais três opções: a entrada de Luciano Henrique ou mesmo de Enilton, deslocando Carlinhos Bala para o meio, que em "nada" alteraria o esquema 4-4-2, ou a entrada do zagueiro César, que provocaria uma mudança mais defensiva, para o 3-5-2 (ambas as opções poderão ser feitas caso Romerito não se recupere).

No mais, o time é o mesmo que enfrentou e venceu o Vasco, na quarta-feira passada.

E na Previsão!?

Qual torcedor do Sport não está ansiosíssimo para esse jogo de hoje? Impossível não estar. Afinal, há quando tempo a gente não tem um jogo tão importante, estando com um time tão bem estruturado e com reais possibilidades de vitórias como temos hoje?

A verdade é que faz tempo. Bom, esse jogo tem tudo para entrar para história positivamente. Temos uma boa vantagem e acredito, sim, em nossa classificação. Meu maior motivo de confiança vem do treinador.

Nelsinho Batista conseguiu dar uma cara a nosso time e, por isso, não acredito em uma mudança brusca no nível da equipe. Além do mais, teria que acontecer uma mudança brusca no time carioca também, ou será que com o futebol que eles jogaram aqui, eles acham que vão meter mais de dois gols na gente?

Nosso sistema defensivo é muito bom. Daniel Paulista, juntamente com Sandro Goiano, dão uma consistência incrível a nossa zaga, que por sua vez também é muito boa. Sinceramente, se a gente aguentar a pressão inicial, não creio nem que levemos gols. A pressão do São Januário pode e deve ser um fator negativo, caso o gol do Vasco não saia rapidamente.

Espero que Romerito jogue, ele é extremamente importante. Se ele jogar, vai ser o nome do jogo, anotem!

Atenção ao ataque do Vasco, principalmente em Moraes, que é o mentor de todas as boas jogadas do time carioca.

Estou confiante. Eu e toda nossa nação vermelha e preta. Força, Leão!

Palpite:

Sport 1 x 0.

Ficha Técnica

Vasco x Sport

Local: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro.
Data: 28/07/2008 (quarta-feira)
Horário: 21h50
Árbitro: Alício Pena Junior (Fifa-MG).

Vasco
Tiago; Wagner Diniz, Jorge Luiz, Luizão e Pablo; Jonílson, Leandro Bomfim, Morais e Alex Teixeira; Leandro Amaral e Edmundo.
Técnico: Antônio Lopes.

Sport
Magrão; Luizinho Netto, Igor, Durval e Dutra; Daniel Paulista, Sandro Goiano,Everton e Romerito (Luciano Henrique ou Enílton); Carlinhos Bala e Leandro Machado.Técnico: Nelsinho Batista.

Luciano Henrique julgado hoje

Equipe Toca do leão
Com Mariana Maia

O meia Luciano Henrique, que está no Rio de Janeiro, junto à delegação do Sport, para o jogo de amanhã, ainda não sabe se poderá atuar contra o Vasco.

O atleta será julgado na noite de hoje, pelo STJD, pela expulsão absurda diante do Internacional, na Ilha. Luciano foi denunciado no artigo 255, por atitude hostil contra adversário. O meia rubro-negro já cumpriu um jogo.

Romerito - O titular do meio-campo do Sport faz fisioterapia intensiva, no Rio, para ter condições de jogar contra os vascaínos. Romerito ainda se recupera de uma lesão no músculo da côxa esquerda.

Caso ele não possa atuar, Carlinhos Bala deve ser recuado para o setor. Sobre o esquema de jogo, Nelsinho ainda não sabe se utilizará o 4-4-2 ou o 3-5-2 (sem Éverton e com César como terceiro zagueiro).

Treino-apronto - O comandante rubro-negro define o time esta tarde, em treino nas Laranjeiras, campo do Fluminense.

Sport preparado para o extracampo, no RJ

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

A delegação rubro-negra se encontra no Rio de Janeiro, desde ontem, onde enfrentará o Vasco da Gama, pelo jogo da volta das semifinais da Copa do Brasil (amanhã,às 21h50).

Para o confronto com o time do famoso dirigente Eurico Miranda, que costuma abusar das ações extracampo para ajudar seu clube em decisões, a direção leonina já tomou providências.

Vinte seguranças particulares foram contratados para escoltar o grupo do Sport, na capital fluminense. Os dirigentes pernambucanos também solicitaram batedores da Polícia Militar do Rio de Janeiro para acompanhar a delegação, próximo ao hotel, durante a noite de hoje, quando a torcida vascaína pretende perturbar o sono dos rubro-negros, com fogos.

Dirigentes do Sport, precavidos, irão ao Estádio de São Januário, onde farão uma vistoria nos vestiários que serão cedidos aos pernambucanos, para o jogo de amanhã.

Torcida -Eurico Miranda já começou a fazer das suas. O torcedor do Sport que for a campo acompanhar o time terá que ficar num espaço entre as socias e a arquibancada dos vascaínos. O local foi trocado especialmente para este jogo. Pode?

Cuidado, Eurico! Aqui em Pernambuco não tem ninguém bobo. Tomara que o Vasco tome um chocolate dentro de casa. Futebol se vence nas quatro linhas...

Atacante Joélson contratado

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O atacante Joélson, do Porto, foi anunciado ontem como novo reforço do Leão para a temporada. O jogador marcou quatro gols pelo time caruaruense, no Pernambucano.

Não acredito que Joélson esteja vindo para a disputa do Brasileirão, mas sim para a Copa Pernambuco.

Além do ex-jogador do Porto, o Sport ainda deve buscar mais um atacante e um meia (a direção não confirma), caso Romerito não continue na Ilha, além de um volante e um lateral-esquerdo para completar o time, durante a Série A.

segunda-feira, 26 de maio de 2008

Torcedor, vote na enquete!

Equipe Toca do Leão

Rubro-Negro, está no ar a nova enquete da Toca do Leão, que quer saber se o Sport tem ou não condições de ser campeão da Copa do Brasil.

Daqui a dois dias teremos mais um desafio, pelas semifinais, diante do Vasco.

E você, acredita que o Sport passe pelo time cruzmaltino, pelo finalista (Botafogo ou Corínthians) e vença essa Copa?

Vote na enquete, que está no menu ao lado direito do blog. A sua opinião é muito importante para nós, da Toca do Leão.


Arbitragem para Copa do Brasil

Equipe Toca do Leão

A CBF realizou, esta tarde, o sorteio da arbitragem para Vasco X Sport, pelo jogo de volta das semifinais da Copa do Brasil, que acontece na próxima quarta-feira, às 21h50, em São Januário, no Rio de Janeiro.

O mineiro Alício Pena Jr., que já apitou Sport 2 x 0 Vasco, na semana passada, será o árbitro principal. Na ocasião, ele deixou de marcar dois pênaltis para o Sport. Os auxiliares vêm da região Sul: o gaúcho Altemir Hausmann e o paranaense Gilberto Bento Coutinho.

Vamos torcer para que tenhamos uma boa arbitragem, que não influencie no resultado do jogo.

Atletas relacionados para jogo contra o Vasco

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia


O treinador Nelsinho Batista divulgou, após o treino da manhã de hoje, na Ilha, a lista de 20 atletas que viajam para o Rio de Janeiro, esta tarde, para a partida contra o Vasco, pela Copa do Brasil, daqui a dois dias.

A novidade fica por conta do meia Romerito, que viajou com a delegação, mesmo fazendo fisioterapia intensiva na região posterior da coxa, e tem chances de atuar. Já Luciano Henrique também está viajando, mas será julgado pelo STJD amanhã à noite, pela expulsão diante do Internacional.

Confira a relação de jogadores, por posição.

Goleiros (2): Magrão e Cléber;
laterais (3): Luisinho Netto, Dutra e Diogo;
zagueiros (3): Ígor, Durval e César;
volantes (5): Daniel Paulista, Sandro Goiano, Éverton, Júnior Maranhão e Fábio Gomes;
meias (3): Romerito, Luciano Henrique e Francisco Alex;
atacantes (4): Carlinhos Bala, Leandro Machado, Róger e Enílton.

domingo, 25 de maio de 2008

Sport faz sua parte e vence

Equipe Toca do Leão
com Daniel Leal

Nada de grande jogo, nem de uma boa partida do time misto do Sport. O que valeu, hoje, na Ilha, foi a vitória e os três pontos. As emoções maiores da partida ficaram para os últimos minutos. Magrão, mas uma vez, acabou sendo o nome da partida.

Com os dois times cheios de reservas e focados em competições distintas, o que restou foi um jogo feio. Aos 4 minutos, a primeira chance foi do Sport: Carlinhos Bala pegou uma bola na entrada da área, de primeira, e chutou forte, tão forte que a bola foi para bem longe.

Aos 23 minutos, o gol. Em uma falta na entrada da área, Júnior Maranhão chutou com muita violência, em cima do goleiro Fernando Henrique, que nada pôde fazer: Sport 1 x 0.

Com o gol, o Sport parecia mais animado na partida. Aos 29 minutos, em boa jogada de Luciano Henrique, Roger acabou sozinho na pequena área, mas o atacante, que parece uma eterna promessa na Ilha, chutou em cima de Fernando Henrique.

No segundo tempo, o jogo seguiu morno. O Fluminense voltou um pouco melhor que o Sport. Dodô era o jogador mais perigoso, arriscando chutes de longe, mas que sempre paravam em Magrão.

Porém, aos 36 minutos, Leandro Machado, que tinha acabado de entrar no lugar de Roger (um morto-vivo), impedido, ampliou para o Leão, Sport 2 x 0.

Quando tudo parecia perdido, Dodô, aos 43 minutos, bateu uma falta da entrada da área leonina, e fez um golaço, sem chances para Magrão. Nessa mesma falta, o zagueiro Gabriel havia sido expulso. Com o gol e um jogador a mais, o time carioca se animou e veio para cima.

Aos 45, Léo Itaperuna entrou na área e foi derrubado por César. Pênalti! Dodô pegou a bola para bater, porém bateu mal. Magrão caiu bem e garantiu a vitória e a boa fase do Sport.

Ficha técnica

Sport 2 x 1 Fluminense

Local: Estádio Ilha do Retiro, em Recife
Renda: R$ 55.560,00
Público: 16.953
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden-RS
Cartões amarelos: César, Everton, Roger e Fábio Gomes (Sport); Anderson, Carlinhos e Romeu (Fluminense)
Cartões vermelhos: Gabriel Santos (Sport)
Gols: Júnior Maranhão aos 23'/1T e Leandro Machado aos 36'/2T (Sport); Dodô aos 43'/2T (Fluminense)

Sport
Magrão; Luisinho Netto (Diogo), César, Gabriel Santos e Fábio Gomes; Daniel Paulista, Éverton, Júnior Maranhão (Peter) e Luciano Henrique; Carlinhos Bala e Roger (Leandro Machado).Técnico: Nelsinho Batista

Fluminense
Fernando Henrique; Carlinhos, Anderson, Roger e Dieguinho; Fabinho, Romeu (Léo Itaperuna), Maurício, David (Allan) e Arouca (Marinho); Dodô.
Técnico: Renato Gaúcho

Sport vence Fluminense e fatura os primeiros 3 pontos

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O Sport venceu o Fluminense, por 2 x 1, agora há pouco, na Ilha, e conseguiu seus primeiros três pontos no Campeonato Brasileiro.

Jogando com um time misto, por conta do foco na Copa do Brasil, o Sport marcou com Júnior Maranhão, em cobrança de falta, ainda no primeiro tempo, e com Leandro Machado, que substituiu Róger, no segundo.

O Fluminense, também com uma equipe mista, já que está na Libertadores, fez seu gol através de Dodô, em cobrança de falta, no final da última etapa.

O Rubro-Negro perdeu o zagueiro Gabriel, que recebeu o cartão vermelho, direto, na falta que ocasionou o gol carioca. E Leandro Machado, pra variar, saiu reclamando de dores na coxa (ou terá sido no joelho?!)

O goleiro Magrão foi o grande nome do jogo, ao defender um pênalti de Dodô, apenas um minuto depois do gol tricolor.

O Sport jogou bem melhor no primeiro tempo, mas levou sufoco na etapa final. E olha que o adversário era composto, em sua maioria, por atletas dos juniores.

Valeu pelos três pontos. Estamos momentaneamente na oitava colocação (três jogos começaram às 18h10). Espero que a direção tenha assistido com cuidado a partida de hoje. Precisamos de contratações, urgente!

O Sport jogou e venceu com: Magrão; Luisinho (Diogo), César, Gabriel e Fábio Gomes; Daniel, Éverton, Júnior (Peter) e Luciano Henrique; Carlinhos e Róger (Leandro). Técnico: Nelsinho Batista.

Dia de pegar carioca na Ilha...

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O Sport entra em campo, esta tarde, para pegar o Fluminense, na Ilha, a partir das 16 horas. O jogo - o segundo contra uma equipe carioca em menos de uma semana - é válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro da Série A.

O Leão - que está focado quase que exclusivamente na Copa do Brasil - enfrenta o Tricolor com um time misto. De titulares, apenas o goleiro Magrão (liberado pelo DM), o lateral-direito Luisinho, o volante Daniel Paulista e o atacante Carlinhos Bala, além do volante Éverton, que vem se alternando no setor com Sandro Goiano.

Ganham chance de começar jogando os zagueiros César e Gabriel, o volante improvisado na lateral-esquerda Fábio Gomes, o volante Júnior Maranhão, o meia Luciano Henrique e o atacante Róger.

No banco, uma estréia: Cássio Lopes, lateral-direito recém-chegado do interior pernambucano. Além dele, Cléber, Diogo, Alex, Peter, Leandro Machado e Enílton aguardam chance no decorrer da partida.

O Fluminense também vem com um time misto, já que está disputando a Libertadores. Três titulares se juntam ao time de juniores: o goleiro Fernando Henrique, o habilidoso meia Arouca e o artilheiro Dodô. Até o técnico é o auxiliar: Vinícius Eutrópio. O chato do Renato Gaúcho ficou no Rio de Janeiro e é uma pena que não vai estar aqui pra ver seu time perder (espero!)

No mais, é hora de deixar a Copa do Brasil um pouco de lado e pensar no Brasileirão. O Sport tem apenas um ponto em dois jogos, conquistado em um empate na Ilha, contra o Vitória/BA. Não dá pra deixar os adversários se afastarem muito, então, vamos ganhar esse jogo, Sport! Três pontos em casa é obrigação!

----------------------------------------------------------------------------

Ficha do Jogo

Campeonato Brasileiro - Série A
Terceira Rodada do Primeiro Turno

Sport x Fluminense

Ilha do Retiro
25 de maio de 2008
16h

Sport - Magrão; Luisinho, César, Gabriel e Fábio; Daniel, Éverton, Júnior e Luciano; Carlinhos e Róger. Técnico: Nelsinho Batista

Fluminense - Fernando Henrique; Carlinhos, Anderson, Roger e Dieguinho; Fabinho, Romeu, Maurício, Arouca e David; Dodô. Técnico: Vinícius Eutrópio.

Arbitragem: Leandro Pedro Vuaden, auxiliado por Altemir Hausmann e Julio César Rodrigues Santos (trio gaúcho).

Ingressos: R$ 12 (meia-entrada e sócio), R$ 24 (arquibancada), R$ 30 (assento especial, cadeira para sócio e da ampliação) e R$ 60 (cadeira para não-sócio).


sábado, 24 de maio de 2008

Parabéns a Wagner Maia!

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Quero deixar registrado, aqui, os parabéns da Equipe Toca do Leão ao nosso colaborador - e meu querido pai - Wagner Maia, que está aniversariando hoje. Tenho a felicidade, graças a DEUS, de poder parabenizá-lo também pessoalmente.

Wagner é um grande rubro-negro da Ilha do Retiro, tendo aprendido a amar o Sport Club do Recife desde criança, através de seu pai, meu avô, Jorge Maia, ex-diretor de basquete e vice-presidente de Esportes Amadores, que teve seu nome reconhecido no ginásio de basquete da Ilha.

Parabéns, rubro-negro! Que nós tenhamos, este ano, muitas alegrias com esse clube vencedor, que também aprendi a amar por sua causa!

Time definido para pegar o Fluminense, na Ilha

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Magrão (Cléber); Luisinho Netto, Gabriel, César e Fábio Gomes; Daniel, Éverton, Júnior Maranhão e Luciano Henrique; Carlinhos e Róger.

Esse é o time misto para enfrentar o Fluminense, neste domingo, a partir das 16 horas, na Ilha do Retiro. A dúvida fica por conta do goleiro Magrão, que ainda espera a liberação do DM para atuar, depois de ter sofrido uma luxação no dedo indicador da mão.

Nelsinho optou por utilizar quatro titulares (em negrito), com destaque para o volante Daniel Paulista, que pediu para jogar, pois prefere estar em ação, em vez de ser poupado.

Poupados - Assim, o técnico rubro-negro libera para o descanso a zaga titular (Durval e Ígor), o lateral-esquerdo Dutra, o volante Sandro Goiano (que vem alternando a titularidade com Éverton) e o atacante Leandro Machado, que fica como opção no banco. Romerito, além de poupado, apresenta problemas médicos.

Quem ganha a chance de estrear pela equipe rubro-negra, desde que voltou de Israel, é o zagueiro Gabriel, que atua ao lado de César, a opção imediata para a zaga. Fábio Gomes volta a substituir Dutra, na lateral. No meio, o reserva Júnior Maranhão atuará ao lado de Luciano Henrique, titular do Leão até sofrer uma fratura na tíbia, há pouco mais de dois meses.

Na linha de frente, o atacante Róger ganha mais uma chance de mostrar o seu potencial, jogando ao lado de Calinhos Bala.

Opções - Também estão concentrados o goleiro Cléber, o lateral-direito Cássio Lopes (recém-chegado do interior pernambucano) e o curinga das laterais e da meia Diogo, além dos meio-campistas Peter e Francisco Alex e dos atacantes Enílton e Leandro Machado.

E essa escalação? - Concordo quase que completamente com a escalação de Nelsinho. Mudaria apenas uma peça. Colocaria Alex ou promoveria a estréia de Peter, ao lado do talentoso Luciano Henrique (que, espero, volte logo à sua forma).

Realmente não entendi a opção por Júnior Maranhão que, na minha opinião, quase nada mostrou desde que foi contratado pelo Leão. Só o coloquei na minha possível escalação, ontem, porque havia esquecido de Luciano Henrique (não sei como!) que não jogou contra o Vasco por estar suspenso. Além do mais, por que não iniciar a partida com um atleta de características de criação, como Alex ou Peter?

Outra coisa, é complicado não se ter um zagueiro sequer no banco, e nenhum volante (isso poderia ser resolvido deixando-se Júnior como opção). Entretanto, confio muito em Nelsinho. Ele não precisa provar mais nada para a torcida e deve ter suas razões para proceder assim.

Vamos lá, Leão! É hora de conseguir a primeira vitória nesse Brasileiro. Que venham os cariocas!

Romerito e Kássio sem lesões graves

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Os meias Romerito e Kássio receberam ontem o resultado dos exames de ressonância magnética, realizados um dia antes. Felizmente não foram mostradas lesões graves, embora os atletas continuem sentindo dores nas coxas. O caso mais preocupante, como já dissemos antes, é o do jovem Kássio, que tem dificuldades de movimentar o local.

Os atletas estão sob observação do departamento médico do Sport e não jogam diante o Fluminense, amanhã. Na segunda-feira eles serão reavaliados pelos médicos rubro-negros. Se forem liberados, Nelsinho poderá utilizá-los na quarta-feira, diante do Vasco, pela Copa do Brasil.

Vamos aguardar.

Basquete - Sport já é 4º no Paulistão

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

A equipe feminina de basquete do Sport/Maurício de Nassau/Tênis Prudente iniciou com vitória o returno do Campeonato Paulista da Série A-1. As meninas venceram o Fupes/Santos, por 52 x 45, na última quinta-feira, no Ginásio Watal Ishibashi, em Presidente Prudente (a casa delas nesta competição).

A cestinha da partida foi a ala Tayara, responsável por nada menos que 29 dos 52 pontos rubro-negros. O Sport agora chega aos 15 pontos, em dez jogos realizados, sendo cinco vitórias e cinco derrotas. Na classificação geral, as leoninas já alcançaram a quarta posição, entre dez equipes.

O próximo desafio do Sport/Maurício de Nassau/Tênis Prudente é dos mais difíceis. No sábado(31), em casa, o time pernambucano enfrenta o São Bernardo/Metodista, a partir das 18 horas. O time do ABC paulista está na liderança, com 18 pontos e oito vitórias.

sexta-feira, 23 de maio de 2008

Sport venceu mais em São Januário

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Fonte: Diário de Pernambuco (Cássio Zirpoli)

A história mostra que o Sport venceu mais do que o Vasco, jogando nos domínios do adversário, o Estádio de São Januário, no Rio de Janeiro.

Em oito confrontos Vasco x Sport no campo cruzmaltino, os rubro-negros venceram quatro vezes, empataram duas e foram derrotados em apenas duas ocasiões.

As duas equipes só jogaram no Gigante da Colina, como é conhecido o estádio do Vasco, pela Série A do Brasileiro e em amistosos. Na semana que vem será a primeira vez que pernambucanos e cariocas jogarão lá, pela Copa do Brasil.

O resultado mais interessante entre os oito apresentados a seguir foi o 5 x 4 em 1942, quando o Sport perdia por 3 x 0 e conseguiu virar, com direito a três gols de Ademir Menezes.

Confira, de acordo com a ordem cronológica das partidas. Em vermelho as vitórias.

1942 - Vasco 4 x 5 Sport (amistoso) - V
1956 - Vasco 3 x 0 Sport (amistoso) - D
1991 - Vasco 1 x 1 Sport (Brasileirão) - E
1993- Vasco 0 x 1 Sport (Brasileirão) - V
1996 - Vasco 1 x 2 Sport (Brasileirão) - V
1998 - Vasco 0 x 0 Sport (Brasileirão) - E
2000 - Vasco 0 x 2 Sport (Brasileirão) - V
2007 - Vasco 3 x 1 Sport (Brasileirão) - D

Errata - Após a vitória de quarta-feira, escrevi que o Sport não vencia o Vasco há 12 anos. Na verdade, a última vitória rubro-negra havia sido, até então, há oito anos, pela Copa João Havelange (2000). Além disso, o Sport passou cinco anos na Série B (2002 a 2006), não podendo, portanto, enfrentar os cariocas pelo Brasileirão.



Torcida verá time misto diante do Fluminense

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O técnico Nelsinho Batista já confirmou que a torcida do Sport verá um time diferente diante do Fluminense, no próximo domingo (16h), na Ilha, pela terceira rodada do Brasileirão. Nelsinho afirmou que irá poupar atletas para a Copa do Brasil e dar oportunidade a alguns jogadores do elenco profissional.

Para definir a equipe, o comandante leonino ainda espera pelo resultado do exame de ressonância realizado em Kássio, ontem, devido às dores na coxa direita apresentadas pelo jogador após a vitória contra os vascaínos.

Acredito que Nelsinho dê oportunidade a Júnior Maranhão, Francisco Alex, Peter (que pode fazer sua estréia oficial) e volte a utilizar Diogo, César e Fábio Gomes, nas vagas de Luisinho, Durval e Dutra, que seriam poupados. No meio, ele pouparia Daniel, Sandro e Romerito, esse último também pór problemas médicos. Mas tudo isso são suposições.

Eu acredito que uma possível formação, domingo, seria a seguinte: Magrão; (Diogo), Ígor, (César) e (Fábio Gomes); (Júnior Maranhão), Éverton, (Alex) e (Peter); Carlinhos e Róger (ou Enílton).

Em negrito, os titulares absolutos. Entre parênteses, as suposições. Éverton alterna a titularidade com Sandro Goiano; Róger e Enílton são os reservas imediatos para o ataque.

Problemas no meio-campo

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Após a boa vitória sobre o Vasco, na quarta-feira, o departamento médico do Sport recebeu dois pacientes, todos dois meio-campistas. Romerito e Kássio saíram de campo com fortes dores na coxa esquerda e direita, respecivamente.

O destaque e a revelação rubro-negra em 2008 fizeram ressonância magnética ontem mesmo e o resultado será conhecido daqui a pouco.

De acordo com o médico do clube, Stemberg Vasconcelos, o caso de Kássio é o que mais preocupa, devido às muitas dores que o jovem vem sentindo, além da dificuldade de movimentar o local.

Mais detalhes só serão conhecidos com a divulgação da ressonância, mas é possível que os dois atletas fiquem de fora da decisão da semifinal da Copa do Brasil, contra o Vasco.

Luciano Henrique - Para completar os problemas de Nelsinho no setor de meio-campo, Luciano Henrique será julgado na próxima terça-feira, portanto um dia antes do confronto no Rio de Janeiro, pela expulsão equivocada diante do Internacional, na Ilha.

Caso Luciano pegue mais de um jogo e Romerito e Kássio ainda estejam em tratamento médico, Nelsinho só contará com Francisco Alex, como meia de origem, para a escalação do Sport. Isso porque Peter, que já atuou pelo Grêmio na Copa, não pode compor a equipe.

Nessa situação, o técnico rubro-negro poderia adiantar Sandro Goiano para a criação de jogadas. Acho difícil que ele recue Carlinhos e jogue mais aberto.

Magrão - O goleiro rubro-negro também deu uma passada pelo DM, ontem, após deslocar o dedo indicador da mão esquerda. O médico Amilton Crócia recolocou o dedo no lugar, após constatada a luxação. Magrão deverá atuar normalmente no domingo.

quinta-feira, 22 de maio de 2008

Arbitragem gaúcha para Sport x Fluminense

Equipe Toca do Leão

Foi divulgado ontem o trio de árbitros que trabalhará no jogo Sport x Fluminense, pela terceira rodada do Brasileirão, no próximo domingo, às 16 horas, na Ilha do Retiro.

O árbitro será Leandro Pedro Vuaden e os bandeiras Altemir Hausmann e Júlio César Rodrigues Santos. O trio é do Rio Grande do Sul.

O fim da "urucubaca" contra os cariocas!

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Com a vitória de ontem, sobre o Vasco, além de quebrarmos um jejum* de oito anos sem vencer os vascaínos (a última vitória foi em 2000, pela Série A, em São Januário), o Sport pôs fim a uma "urucubaca" diante de times cariocas, que vinha durando desde o ano passado, quando o Leão voltou à Série A do Brasileiro.

Em 2007, em oito jogos disputados contra equipes do Rio de Janeiro, não conseguimos vencer uma só vez.

Este ano, iniciamos perdendo para o time misto do Botafogo, fora de casa. Agora vencemos o Vasco e temos a oportunidade de detonar mais um deles, no domingo. Que venha o Fluminense do chatíssimo Renato Gaúcho, que, assim como nós, também está se poupando, só que pra Libertadores...

Poupando ou não nossos jogadores, queremos a vitória, Nelsinho!

*O Sport passou cinco anos na Série B, entre 2002 e 2006.

Eles foram fundamentais

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O lateral-direito Luisinho Netto e o atacante Enílton não vivem uma boa fase no Sport. Enílton, aliás, teve apenas alguns bons momentos na Ilha, ao contrário de Luisinho, que foi um dos jogadores mais importantes na conquista do Tri Pernambucano.

Diante do Vasco, contudo, os dois atletas tiveram papel fundamental, ao darem o passe para os dois gols leoninos. Luisinho cobrou falta perfeita, pela direita, na cabeça de Durval, enquanto Enílton fez a jogada com Daniel Paulista, dando o passe para o chute mortal de Daniel.

Vamos torcer para que Luisinho volte a mostrar seu bom futebol e Enílton passe a se destacar no time. É importante pra eles e para o desempenho do Leão.

Romerito - O meia rubro-negro saiu do jogo reclamando de uma fisgada na coxa esquerda. O atleta deve ser avaliado ainda hoje pelo departamento médico do Sport.

Reapresentação - O grupo de Nelsinho volta a treinar hoje mesmo, no período da tarde. Amanhã os trabalhos acontecem novamente à tarde e, no sábado, no horário da manhã. Ainda no sábado, os jogadores entram em regime de concentração para o jogo de domingo, pelo Brasileirão,diante do Fluminense, na Ilha.

Copa do Brasil - Sport a 90 minutos da final!

A vibração de Durval no primeiro gol
Foto: Marcos Michael (JC Imagem)


Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia


Raça. Torcida. Esses foram os elementos fundamentais na vitória do Sport, ontem à noite, diante do Vasco/RJ, na Ilha do Retiro. O placar de 2 x 0 (gols de Durval e Daniel Paulista), construído nos primeiros 18 minutos, levou a massa rubro-negra ao delírio e deixou a impressão de que o Leão golearia. Não foi tão bom assim, mas acho que foi um resultado considerável.


Os gols - O Rubro-Negro marcou através de Durval (a bola ainda bateu no vascaíno Jorge Luiz), após o cruzamento de Luisinho Netto, pela direita. Isso foi aos 14 minutos. Logo depois, aos 18, a torcida ainda comemorava, quando Daniel Paulista e Enílton tabelaram, o atacante ajeitou pro volante, que pegou de primeira e marcou um golaço: 2 x 0.


O Sport não se acomodou após os gols e teve maior volume de jogo, durante todo o primeiro tempo. Na segunda etapa o Vasco voltou em cima, mas o Leão se recuperou e ainda havia espaço pra mais gols, porém as chances foram perdidas, especialmente, por Romerito e Leandro Machado.


O caldeirão - A Ilha do Retiro mostrou, mais uma vez, porque vem sendo chamada de "La bombonera" brasileira. Um público total de 34.201 expectadores lotou as dependências do estado, incentivando a equipe rubro-negra e vaiando os vascaínos, cada vez que pegavam na bola.


O Sport volta a jogar, pela Copa do Brasil, no Estádio de São Januário, reduto do Vasco, em uma semana. O Leão tem a vantagem do empate (por qualquer escore) e pode até perder por 1 x 0 ou por dois gols de diferença, desde que marque (3 x 1 ou 4 x 2, por exemplo) que estará classificado.


Opinião - No final do jogo, notei que a torcida não vibrou tanto, talvez por não estar nada assegurado ainda; talvez porque o Sport tenha perdido tantos gols e, conseqüentemente, a chance de aplicar uma goleada. Dessa forma, ficaríamos em situação ainda melhor.


Mas, volto a dizer: abrimos uma boa vantagem. Agora é ter muita tranqüilidade, garra e confiança para poder segurar o jogo no Rio de Janeiro, se possível, marcando um gol, o que vale muito fora de casa.


O time do técnico Nelsinho Batista jogou e venceu com: Magrão; Luisinho Netto, Ígor, Durval e Dutra; Daniel (Éverton), Sandro (Fábio Gomes), Romerito e Carlinhos; Enílton (Kássio) e Leandro Machado.


O público total na Ilha foi de 34.201 (pagante de 32.645).

quarta-feira, 21 de maio de 2008

Ingressos quase esgotados!

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Em conversa com a nossa reportagem, funcionários do Departamento Financeiro do Sport afirmaram que restam apenas cerca de 2 mil ingressos à venda, entre bilhetes de arquibancada (R$ 24), cadeira para não sócio (R$ 60) e poucas unidades de ingressos do tipo sócio (R$ 12).

Esse era o panorama das vendas às 13h30.

Previsão

Equipe Toca do Leão
com Daniel Leal

Para quem não estava mais aguentando de tanta ansiedade, a hora chegou! Sport x Vasco jogam, hoje, a primeira partida das semi-finais da Copa do Brasil, na Ilha do Retiro, às 21h50. A expectativa é de casa cheia, já que, até ontem, mais de 28 mil ingressos já haviam sido vendidos.

O time do Sport vai bastante ofensivo para partida de logo mais. Com Carlinhos Bala deslocado para o meio-campo, Enílton e Lendro Machado na frente, o Leão vai com três atacantes de ofício para cima do Vasco, o que não é novidade, pois no jogo contra o Inter o treinador já havia usado esse tipo de formação.

No sistema defensivo, Everton, que há muito era titular na cabeça-de-área do Sport, mas passa por uma má fase, agora vai para o banco. Sandro Goiano, com muita competência, ganhou a titularidade. O meio-campo será complementado por Daniel Paulista e Romerito, que cumpriram suspensão contra o Inter, e por Carlinhos Bala, como já havia dito.

E na Previsão!?

Pode até parece tecla batida, mas o jogo é dificílimo. Essa é a verdade e se a partida for encarada assim, na base da realidade, certamente, teremos mais chances de sair com um bom resultado.

Não me iludo. Passamos por Palmeiras e Internacional, não por que temos um time melhor (com mais raça, sim!), mas porque eles nos esnobaram. Não sei se o Vasco vai ser burro o suficiente para repetir a tática dos derrotados, creio que não. E nós, é claro, não podemos ser mais burros ainda de mudar de tática e deixar a empolgação subir para cabeça.

Se o Leão jogar com o espírito da Copa do Brasil, tem tudo para fazer um bom resultado hoje, na Ilha do Retiro. O time vascaíno, de todos que enfrentamos até agora na competição, é o que tem uma equipe mais próxima do Sport em termos técnicos. Então, a raça dos jogadores, juntamente com a força da torcida, podem e devem ser um diferencial.

Mais uma vez aprovo a tática de Nelsinho Batista. Pôr Carlinhos Bala na função de meia, precisando vencer a partida é muito válido, ainda mais quando não se tem um meio-campo clássico. Quanto a titularidade de Sandro Goiano, nada mais justo. Isso já era desenhado há muito tempo e Everton só fez ajudar com sua queda de rendimento.

Olho no sistema ofensivo do Vasco. Leandro Amaral e Edmundo são muito perigosos (grande novidade), porém, para mim, a maior arma deles está em Morais, meio-campo, que é o cérebro do time. Se o sistema ofensivo deles é muito bom, o mesmo não se pode dizer do defensivo. Acho o goleiro muito irregular. O mesmo pode-se dizer da zaga...

Como sempre, faço aqui minha apostas. Enílton volta a jogar bem hoje! E Bala faz gol! (Deus me ouça!)

Palpite:

Sport 2 x 0

Ficha Técnica

Sport x Vasco

Local: Estádio Ilha do Retiro, em Recife.
Data: 21/05/2008
Horário: 21h50
Árbitro: Alício Pena Júnior Fifa/MG

SPORT
Magrão; Luisinho Netto, Igor, Durval e Dutra; Daniel, Sandro Goiano, Romerito e Carlinhos Bala; Enílton e Leandro Machado.
Técnico: Nelsinho Batista

Vasco
Tiago; Rodrigo Antônio, Eduardo Luiz e Jorge Luiz; Wagner Diniz, Jonílson, Leandro Bomfim, Morais e Madson; Leandro Amaral e Edmundo.
Técnico: Antônio Lopes

Na bilheteria restam poucos ingressos

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

Em dois dias de vendas na Ilha do Retiro e em alguns pontos da cidade, cerca de 27 mil ingressos já foram vendidos para Sport x Vasco da Gama, hoje, a partir das 21h50, na Ilha. Foram colocados 32 mil bilhetes à disposição dos expectadores, mais uma reserva técnica.

Seria bom que todos esses 27 mil ingressos já vendidos estivessem nas mãos dos torcedores, dos apaixonados pelo Sport Club do Recife (além de uma pequena parte para os visitantes).

Mas o chato - e triste - é que grande parte dos bilhetes, como já virou rotina, sabemos que está nas mãos de cambistas, que, segundo eu soube lá mesmo na Ilha, já viraram sócios do clube e são, em sua maioria, das Polícias Civil e Militar. Assim, como acabar com essa praga?

O torcedor rubro-negro, como sempre, é quem acaba pagando por isso!

Atletas concentrados para o jogo

Equipe Toca do Leão
Com Mariana Maia

O grupo rubro-negro, que encara o Vasco amanhã, pelas semifinais da Copa do Brasil, já está concentrado desde a tarde de ontem, após ter realizado um último treino pela manhã.

No treino, a confirmação daquele time que a Toca do Leão já tinha adiantado para seus leitores, com Sandro Goiano ao lado de Daniel Paulista e Carlinhos Bala no meio-de-campo. Enílton(espero que jogue muito hoje!) é a novidade na frente, ao lado de Leandro Machado.

Nelsinho relacionou 19 atletas para a concentração. Confira:

Magrão, Cléber; Luisinho, Dutra e Diogo; Ígor, Durval e César; Daniel, Sandro, Éverton, Júnior Maranhão e Fábio Gomes; Romerito e Kássio; Carlinhos, Leandro, Enílton e Róger. Um volante sobra na hora do jogo.

*Em negrito, o time titular.

Bom jogo e boa sorte, Leão! O momento pra detonar o Vasco é este...depois, é administrar no RJ. A torcida rubro-negra fará sua parte, enchendo La Bombonera brasileira e apoiando do início ao fim do jogo!
 
Layout criado por Templates Para Novo blogger 2007 e adaptado por Thiago Neres para o blog Toca do Leão